PREVISÃO DE DEMANDA DE PETRÓLEO PARA 2012 É MANTIDA PELA OPEP

VIENA, 11 Jul 2012 (AFP) -A Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) anunciou nesta quarta-feira que mantém praticamente sem alterações sua previsão de demanda de petróleo para 2012, devido às tendências econômicas regionais.

Em seu relatório mensal, a Opep avalia em 88,68 milhões de barris diários (mbd) a demanda de petróleo para 2012, contra 88,69 mbd há um mês.

Para 2013, o organismo prevê uma demanda de 89,50 mbd, ou seja, 0,82 mbd a mais com relação a este ano.

“Os diferentes acontecimentos econômicos no mundo quase se anulam, deixando o estado de consumo global de petróleo praticamente sem alterações com relação ao mês anterior”, disse o grupo em relatório.

Os doze países da Opep, que produzem cerca de 30% do petróleo mundial, recordaram a fragilidade da recuperação nos Estados Unidos, a crise da dívida na Europa e as recentes inundações na Índia, como tendências negativas, compensadas pela atividade no Japão, incitada pelo retrocesso da energia nuclear e pelo dinamismo dos países fora da OCDE.

A organização revisou para baixo pelo segundo mês consecutivo, sua previsão de crescimento para os Estados este ano, a 2,1%, frente a 2,2% no mês anterior e 2,3% em maio.

“Isto se deve ao fato de a taxa de desemprego continuar sendo alta, à desaceleração do comércio mundial e à queda dos níveis de confiança”, explica a Opep.

O grupo prevê, ao mesmo tempo, melhorias para Japão, com uma previsão de crescimento do PIB de 2,5% este ano, contra 2,0% no mês passado. Contudo, em 2013 voltará a cair a seu nível habitual (1,2%).

No que diz respeito à zona do euro, o cartel prevê voltar a crescer no próximo ano: “As medidas adotadas na zona do euro devem transformar a contração de 0,4% deste ano em um crescimento de 0,1% em 2013”, diz o relatório.

“Isso vai depender em grande medida da capacidade da zona do euro para administrar a crise da dívida e promover o crescimento, ao mesmo tempo que contém o peso da dívida e, idealmente, o reduza”, disse a Opep.

A nível mundial, a Opep espera um crescimento de 3,2%, ligeiramente inferior ao deste ano (3,3%).

sgl/ilp/af/erl/wm
Fonte: Notícias Terra

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s